quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Happy New Year


Todo ano é também escrito com as escolhas que fazemos ao longo de  suas linhas.
Que nessas páginas em branco que nos aguardam em 2012 possamos ter discernimento e sabedoria para fazer escolhas que se pareçam com a gente. Escolhas feitas com gentileza e atenção amorosa. Escolhas feitas com o coração.
Que cada um de nós consiga escrever uma história linda nessas próximas páginas, não faz mal se nos atrapalhamos nas páginas já viradas, se nos faltou inspiração e criatividade em tantos parágrafos, se escrevemos tantas coisas que, relendo, agora, parecem não ter sentido. O bacana da vida é essa oportunidade preciosa, reinaugurada a cada instante, de recomeçar exatamente do lugar onde estamos. Que saibamos nos renovar para escrever um texto, de fato, novo.
Dádivas, esperança, fé, saúde, muita paz, todo amor, alegrias quase inacreditáveis para a vida de cada um de vocês, é o meu desejo.
Obrigada a todos por pela presença, troca e estímulo. Valeu demais!

Até 2012! =)
Com Carinho,
Aksa Bandeira.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

A vida é tudo que você sonha.



É preciso acreditar que o impossível pode ser real.
Sinta, comece, recomece, insista.
Com atitude, podemos mudar a realidade e o infinito
passa a caber dentro de nós.


Feliz Natal a todos vocês!!
Beijos meus**

(Aksa Bandeira)

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Atitude para Ser Feliz!!!


"A felicidade não tem absolutamente 
nenhuma relação 
com o que você possui
e tem tudo a ver com 
o quanto você é grato pelo que possui."

(Lee L. Jampolsky do livro 
"Atitude para ser feliz")

domingo, 18 de dezembro de 2011

Verdades


"Daquilo que é óbvio, daquilo que nos faz um tanto bem maior,
 daquilo que nos faz amadurecer diariamente:
 A capacidade que agente tem de olhar no olho, de agradecer, de poder dialogar,
 criticar com sensibilidade, com coragem.
Que agente saiba valorizar cada momento nosso,porque todo mundo aqui já
 está automaticamente em extinção; 
Só existe um de cada um de nós.
Que agente saiba cuidar muito disso..."


(Fernando Anitelli)

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

MAIS GENTILEZA , POR FAVOR!!!


Outro dia – numa roda de amigos – surgiu um assunto que me fez pensar: já repararam que nesses tempos modernos, deixamos a gentileza de lado e nos desculpamos pelos maus modos, colocando a culpa no estresse? Pode ser uma resposta atravessada por conta do trânsito caótico. Pode ser o prazo curto. A falta de dinheiro. A falta de tempo. A falta de saúde. A falta de graça na vida. Os motivos são muitos e não param. Mas será que – em nome das nossas “faltas” – temos o direito de sermos MENOS humanos? Onde foi parar a delicadeza, a gentileza, a educação e o respeito? Onde foi parar o que nós SOMOS?

Desculpe-me, mas é difícil responder. Estamos tão individualistas que mal percebemos o outro. Eu, pessoalmente, acho uma falta de inteligência privilegiar apenas o SABER e não valorizar quem tem uma visão generosa do mundo. Para mim, a combinação dos dois – conhecimento e sensibilidade – são um prato cheio para vivermos melhor. E crescermos tanto pessoal, quanto profissionalmente.

Infelizmente, não é isso que vemos por aí. O respeito parece ter saído de moda. Gentileza, então, virou gíria das nossas avós. Nada de “bom dia”, “boa tarde”, nem um olhar que te perceba como indivíduo.

Importante esclarecer: não gosto de generalizar. Conheço pessoas que – no meio do salve-se quem puder! – continuam a ser PESSOAS.  Enxergam, em seus olhos, o outro. Oferecem – sem o menor constrangimento – um abraço sincero. Uma ajuda inesperada. Um elogio. Um silêncio na hora certa.
Isso, para mim, não é frescura. É apenas a boa e velha educação pedindo passagem... Implorando para não ser esquecida, dentro do carro, na hora do rush.
Claro que não é preciso dizer “obrigada!” a cada minuto. Mas antes uma palavra doce do que deixar nosso lado brucutu (acredite, todo mundo tem um!) falar mais alto e acabar com a CORDIALIDADE que ainda nos resta.

Você acha esse papo ultrapassado? Chegou, então, a hora de me desculpar. DE NOVO.
Sei que pode parecer ingenuidade minha, mas eu continuo com fé no ser humano. (E em mim). Acho que a pessoa que desenvolve sua sensibilidade para perceber o outro (seja no trabalho, em casa, na rua ou na fazenda), só tem a ganhar. Uma promoção. Um trabalho melhor. Um amigo de verdade. Um dia mais feliz. Ou apenas um sorriso que – a meu entender – já vale o esforço.

Por isso, venho escrever esse texto para tirar meu nó da garganta e alertar aos que ainda sabem ouvir: o mundo precisa de mais gentileza. E menos – muito menos! – cara amarrada.

(Fernanda Mello)

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011


"Eu gosto de olhos que sorriem, 
de gestos que se desculpam, 
de toques que sabem conversar
e de silêncios que se declaram."

(Autor Desconhecido)

terça-feira, 6 de dezembro de 2011


"Todo jardim começa com uma história de amor, 
antes que qualquer árvore seja plantada ou um lago construído
é preciso que eles tenham nascido dentro da alma.
 Quem não planta jardins por dentro, não planta jardins por fora e nem passeia por eles."

(Rubem Alves)

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Nosso modo de encarar a vida!


"De que perspectiva vou ver um problema para ter aquela visão extraordinária?
E se não tiver a perspectiva correta, não tem a manor chance de achar aquilo que seja extraordinário.
A lente que escolhemos para ver um problema é crítica.  Nossa perspectiva é o que abre a porta para uma solução ordinária ou extraordinária. Logo, primeiro, precisamos achar a perspectiva correta.
Se  não conseguimos aprender a trocar as lentes, ficaremos presos.
Há sempre uma outra perspectiva. E quando acreditamos nisso, podemos transformar o modo de encarar a vida."

sábado, 3 de dezembro de 2011

Minha Escolha


"O caminho que eu escolhi é o do amor. Não importam as dores, as angústias, nem as decepções que vou ter que encarar. Escolhi ser verdadeira. No meu caminho, o abraço é apertado, o aperto de mão é sincero. Por isso, não estranhe a minha maneira de sorrir e de te desejar tanto bem. Eu sou aquela pessoa que acredita no bem, que vive no bem e que anseia o bem. É assim que eu enxergo a vida e é assim que acredito que vale a pena viver."

(Autor Desconhecido)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...